segunda-feira, 28 de abril de 2008

Projeto Adote Biblioteca

A Livraria Cultura é um dos locais preferidos por mim para circular, ver o que tem de novo no mundo literário e tomar aquele cafezinho. Um espaço gostoso e repleto de gente bonita e antenada com tudo o que acontece no meio. Sempre visito também seu site pois pesquiso muito pela internet as novidades e lançamentos. Como se não bastasse tudo isso, ela ainda me surpreende com essa nova proposta. Vejam vocês: Adote Uma Biblioteca
Isso é que é fazer sua parte social. Merece nossos parabéns e nosso apoio a essa iniciativa. Vamos colaborar adotando uma biblioteca. Na página já tem uma lista de bibliotecas carentes aguardando nossas doações.

quarta-feira, 23 de abril de 2008

Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor


No dia 23 de abril, mais de 100 países participarão do Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor, que foi lançado pela UNESCO em 1996. Editores, bibliotecas, escolas centros culturais e organizações de autores estão se preparando em todos os continentes para celebrar o dia, exaltando a importância dos livros para a sociedade moderna.

No Brasil, está em andamento a campanha “Dê um livro: incentive a educação e a leitura”, promovida pelo escritório da UNESCO no Brasil, juntamente com vários parceiros, por meio da Internet, com o objetivo de incentivar a troca de livros estimulando a leitura e o intercâmbio de conhecimento entre as pessoas. A idéia é promover a importância do livro como um instrumento de expressão, educação e comunicação.

Este ano, a UNESCO quer enfatizar o papel vital dos livros não apenas em relação a educação, economia, criação cultural e participação democrática, mas também, como afirmou o Diretor-geral da UNESCO, Koichiro Matsuura, a “importância deles com relação à liberdade de expressão e à salvaguarda e promoção das expressões da diversidade cultural, como principais desafios a serem enfrentados pela Humanidade.” (*)

“Esta ação, que tem uma dimensão ética tanto quanto política”, continua Matsuura, “inscreve-se em uma perspectiva de longo alcance e requer iniciativas concretas e duradouras em favor do livro e da leitura, cujo impacto vai muito além da data simbólica de 23 de abril”. (**)

Entre as iniciativas de promoção do livro que conquistaram sucesso internacional está a “Capital Mundial do Livro”. Madrid foi a primeira cidade a ser proclamada Capital Mundial do Livro, na sexta edição do Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor. Depois vieram Alexandria (Egito, 2002), Nova Deli (Índia, 2003), Antuérpia, 2004), Montreal (Canadá, 2005) e Turim (Itália, 2006). A cidade designada para este ano é Bogotá (Colômbia) . Para 2008, Amsterdam (Holanda) foi anunciada como uma escolha do comitê de seleção, composto por representantes da Associação de Editores Internacionais (IPA), a Federação de Vendedores de Livro Internacional (IBF) e a Federação Internacional de Instituições e Associações de Bibliotecas (IFLA) assim como a UNESCO.

Notícia retirada da página da UNESCO

sexta-feira, 18 de abril de 2008

18 de Abril - Dia Nacional do Livro Infantil

Essa data foi instituida em homenagem ao aniversário de Monteiro Lobato que é considerado o "pai" da literatura infantil no Brasil. O mês de abril é muito especial pois é todo voltado para comemorações do livro aqui no Brasil e em todo o mundo. Hoje, mesmo com toda a tecnologia a nos servir, onde a internet é um instrumento valiosíssimo para pesquisas e leitura, o livro, mais do que nunca, seduz a todos que entram em contato com esse universo da escrita. Para se comemorar essa data, várias atividades serão desenvolvidas em escolas e centros culturais espalhados pelo país. Segue abaixo as datas voltadas para comemorar o dia do livro:


  • 02/04 - Dia Internacional do Livro Infanto-juvenil - homenagem ao escritor Hans Christian Andersen


  • 18/04 - Dia Nacional do Livro Infantil - homenagem ao escritor Monteiro Lobato


  • 23/04 - Dia Mundial do Livro e do Direito do Autor


  • 28/04 - Dia da Educação

Como podemos ver, esse mês é muito especial e um período para reflexões sobre os temas e também para se colocar em prática muitas atividades com a garotada.



Campanha "A Blogosfera Contra o Analfabetismo"


Muito temos falado sobre a questão do analfabetismo aqui no Brasil e qual a contribuição que podemos dar para sanar esse problema tão grave em nossa sociedade. Enquanto não nos conscientizarmos de vez da necessidade de se tratar a educação com seriedade e com propostas objetivas, dificilmente subiremos nesse ranking tão vergonhoso em que nos encontramos. Falando um pouco sobre a minha contribuição, apesar de não ser algo concreto e direto, como bibliotecária procuro estar sempre atenta as questões de aprendizagem e aqui onde trabalho, o colégio há alguns anos tem desenvolvido um projeto em parceria com o hospital Sírio Libanês e o SENAI na alfabetização de adultos. Esse projeto tem alfabetizado alguns de nossos funcionários da limpeza que até então, não sabiam ler ou se sabiam, liam muito mal e escreviam pior ainda. A biblioteca sempre serviu de suporte para esses funcionários e professores oferecendo material de apoio para todos. Fico sempre muito satisfeita quando vejo alguma daquelas pessoas que antes, não liam absolutamente nada e que aos poucos, com minha ajuda e contribuição foram tomando gosto pela leitura. Há casos de pessoas que hoje, não passam um dia sem ler e isso é motivo de orgulho para mim afinal, sempre gostei de incentivar a leitura e como procuro sempre conhecer as pessoas para poder sugerir livros, hoje posso dizer que além de um leitor, ganhei mais um amigo.
Bom deixando de lado toda essa história pensei muito em como contribuir para amenizar o analfabetismo e pensei em desenvolver um projeto e apresentá-lo ao prefeito de minha cidade. Não é fácil sensibilizar as pessoas sobre essa questão afinal, todos concordam mas sempre saem pela tangente alegando falta de tempo, família para cuidar aos finais de semana e etc. Aqui mesmo no colégio onde trabalho, tenho conversado muito com algumas professoras e acredito que aos poucos, essa idéia possa amadurecer em todos e daí surgir ´projetos para serem implantados em vários locais. Ontem mesmo conversei com meu irmão que também é professor e coordenador do projeto Escola Família num bairro de minha cidade e já iniciamos algo que possa se concretizar naquele colégio pois a camunidade de lá é bem carente e conta muitocom o apoio deles. Enfim, hoje dia 18 sem dúvida se torna um marco em nossas idéias e ações que ao meu ver,pode até ser que pareçam diminutas mas que podem vir a crescer e tornar uma realidade. Basta que para isso todos se unam num único ideal: ver nossas crianças alfabetizadas (aliás, muito bem) e nossos adultos que na infância não tiveram essa chance, iniciarem um novo ciclo em suas vidas descobrindo a magia das palavras escritas. Obrigada Georgia,por ter iniciado essa campanha tão bonita e tão válida através de seu blog e por ter nos sensibilizado com essa questão. O país depende muito mais de nós, cidadãos comuns do que de políticos que tem como único interesse, os seus próprios umbigos. Nos mobilizando e transformando nossos sonhos em ações objetivas é que cresceremos como nação. Não vamos deixar a peteca cair. E no dia-a-dia, procurarei sempre colocar algo sobre o que se tem feito na área de alfabetização por aqui e em meu bairro.
ALFABETIZAÇÃO JÁ! ACORDA BRASIL!

quarta-feira, 16 de abril de 2008

Novidades chegando

Uma iniciativa que contribui para o incentivo à leitura e a difusão de importantes obras literárias. É isso que pretende ser o LivroClip, que acaba de lançar seu novo site. Professores, estudantes e leitores já têm acesso à nova ferramenta, que também deve ser um apoio nas salas de aula e na internet. O endereço virtual estréia com 15 LivroClips em sua LivroPédia. O LivroClip em destaque é o recém-lançado Noite de Almirante. Baseado no conto homônimo de Machado de Assis, ele inaugura a campanha "LivroPédia - Contos Completos de Machado de Assis". As animações - costumeiramente associadas à idéia de trailers de livros - são acompanhadas de informações sobre a obra e o autor, dicas sobre como abordar o livro em sala de aula, além do "Espaço do Professor", um fórum de discussões especial para os mestres

segunda-feira, 14 de abril de 2008

Concurso BiblioFilmes 2008 "Livros, Bibliotecas, Acção!"


video



Disponibilizarei aqui alguns vídeos que estão concorrendo ao prêmio BiblioFilmes 2008. É um evento que visa promover as bibliotecas e livros. Adorei essa idéia! Saiba mais

sexta-feira, 11 de abril de 2008

Comemorando 50 anos de Poesia Concreta


Comemorando os 50 anos do surgimento da poesia concreta, A Casa das Rosas organizou exposição de livros e revistas concretistas. Terá ainda debates e leituras de poemas de Augusto e Haroldo de Campos. Sendo o primeiro espaço público no país destinado a poesia, nomeado de Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura, abriga um acervo de cerca de 30 mil volumes da biblioteca do poeta, tradutor e ensaísta Haroldo de Campos (1929-2003). Essa é uma ótima dica para se fazer em São Paulo. Entre tantas opções culturais, além dessa exposição, tem toda uma programação variada que vale a pena conhecer. A exposição vai de 3ªa 6ª. Grátis. Imperdível!
A Casa das Rosas fica na Av. Paulista, 37

quinta-feira, 10 de abril de 2008

Nasce mais uma Banca-Biblioteca

Nossa, as vezes a correria é tanta que mal dá tempo de conferir o que anda acontecendo por aí. Prova disso é que só agora fiquei sabendo desse projeto da Associação Basílio da Gama, uma ONG de São Paulo especiaizada em instalação de bibliotecas comunitárias. Qual não foi minha surpresa ao saber que a mais nova "cria" da ONG fica em minha cidade? Pois é, a mais nova banca-biblioteca foi inaugurada no bairro do Rochdale, em Osasco. Isso me deixa muito contente pois o município é carente de bibliotecas e a população é constituida na sua maioria de crianças e adolescentes em fase de formação escolar. Em breve espero dar uma conferida e conhecer essa biblioteca. Sem dúvida, será mais uma força na melhoria da educação desses jovens. Espero realmente que esse projeto siga em frente e que mais e mais bibliotecas comunitárias sejam formadas pelas comunidades para a própria comunidade para que livros, leitura e informação cheguem a mais pessoas. Parabéns à ONG Basílio da Gama, a Petrobrás que está patrocinando e a prefeitura de Osasco por promover e viabilizar esse projeto.

Conhecimento para todos

Essa informação eu encontrei ao indexar artigos da revista Profissão Mestre, nº103, Abril de 2008. Achei-a muito legal e quis compartilhar com todos. É uma boa pedida para quem gosta e deseja dar continuidade a seus estudos!

Uma oportunidade valiosa está sendo oferecida pela internet a todos aqueles que desejam crescer em termos acadêmicos e profissionais. Alguns dos melhores professores das principais instituições universitárias dos Estados Unidos e da Europa estão disponibilizando crusos cujo acesso é gratuíto para qualquer pessoa. A apresentação é feita através de vídeos on-line que reproduzem atividades e explicações dadas por mestres em instituições como Yale, MIT (Massachusets Institute of Tecnology), Universidade da Califórnia (Berkeley), Universidade Stanford e o Instituto de Tecnologia de Paris. Praticamente todas as áreas do conhecimento são abrangidas, em especial as tecnológicas e exatas. Seguem alguns links para maiores informações sobre os cursos:

terça-feira, 8 de abril de 2008

Analfabetismo no Brasil: uma triste realidade que podemos e devemos transformar




É com muito prazer e alegria que abraço essa campanha de combate ao analfabetismo em nosso país promovido pelo blog de Georgia Saia Justa. A educação passa por um período de muita crise em todo o Brasil. Isso é uma dura realidade que devemos encarar não apenas para se lamentar ou criticar o que se anda fazendo ou deixando de fazer na área educacional. Mas é chegada a hora da sociedade amadurecer e compreender que não devemos só cobrar nossos direitos de cidadãos mas também, assumir nossos deveres que tantas vezes esquecemos. É chegado o momento em que precisamos deixar de lado esse nosso comodismo e participar ativamente para que um dia possamos ver todas as crianças e jovens dentro de escolas aprendendo com prazer e tornando-se pessoas dignas e futuros adultos responsáveis para fazer dessa nação, um exemplo positivo para as demais. Quando digo que devemos sair dessa passividade diante dos problemas, eu me incluo também e já tenho me cobrado há algum tempo para dar minha contribuição. Há alguns anos atrás, tive a vontade de desenvolver um trabalho voluntário informatizando e organizando uma biblioteca escolar pública. A experiência não foi boa pois as pessoas que comandavam a escola não tinham uma visão pedagógica de fato e tinham uma imagem bem negativa do que vem a ser uma biblioteca. Infelizmente, o projeto que tinha tudo para dar certo morreu na praia. Foi abortado antes mesmo de se desenvolver e criar corpo. Sem aviso nem consideração com os bibliotecários que se dispuseram a me ajudar, a direção da escola decidiu fechar a biblioteca , a auxiliar que dava uma força foi demitida e os alunos e professores ficaram sem esse importante apoio pedagógico do ensino que é a biblioteca. Na época fiquei muito magoada e frustrada com isso e por um bom tempo não quis mais saber desse tipo de trabalho. Mas hoje observo que, para dar certo, devemos nos unir aqueles que têm o mesmo ideal. Também compreendi que nem sempre as pessoas se encontram preparadas para mudanças. Toda essa história é para ilustrar o que acontece em nosso país. É uma cultura difícil de se mudar pois já se encontra arraigada desde nossa colonização. Mas a educação é algo primordial para que a população se forme, se informe de seus direitos e lute de modo correto. Está mais do que na hora de mudar esse conceito deturpado que nos incutiram de que "o jeitinho brasileiro" sempre dá certo. Acredito que a sociedade está amadurecendo, se transformando e é chegado o momento de união entre todos que pensam de forma semelhante e deseja o melhor para todos. O analfabetismo em todo o nosso país é algo vergonhoso, lamentável e inadmissível nos dias de hoje. Por outro lado, temos também um outro grave problema que são os analfabetos funcionais que hoje são a grande maioria. O percentual de crianças e jovens que lêm mal, não conseguem interpretar um simples texto como uma bula de remédio ou um manual é muito grande e isso acarreta sérios problemas em suas vidas. Mas tudo é passível de solução. Basta que tomemos a decisão de "arregaçar as mangas" e trabalhar para reverter esse quadro. Faço desse espaço, um cantinho para receber propostas, sugestões e dicas de como transformarmos esse problema nacional em algo digno de orgulho para todos. A partir de hoje, passo a fazer parte da Blogagem Coletiva Contra o Analfabetismo e me disponho a procurar formas e recursos para combater esse mal social. E então? Vamos a luta?

sexta-feira, 4 de abril de 2008

Leitura em destaque

PublishNews - 02/04/2008

Estão abertas as inscrições para a terceira edição do Prêmio Vivaleitura 2008. A iniciativa faz parte do Plano Nacional do Livro e Leitura (PNLL) e tem o objetivo de estimular, fomentar e reconhecer as melhores experiências relacionadas à leitura. Podem concorrer trabalhos de instituições, empresas, órgãos públicos e pessoas físicas, divididos nas categorias: Bibliotecas públicas, privadas e comunitárias; Escolas públicas e privadas; e Sociedade, que abrange empresas, ONGs, pessoas físicas, universidades e instituições sociais. Em cada categoria, os vencedores receberão um prêmio de R$ 30 mil. As inscrições seguem até o dia 8 de julho e os finalistas serão anunciados em outubro, com premiação prevista para o mês de novembro. As inscrições gratuitas podem ser feitas pelo site www.premiovivaleitura.org.br ou por carta registrada, com aviso de recebimento, para o Prêmio Vivaleitura - Caixa Postal 71037-7 - Cep: 03410-970 - São Paulo - SP. Outras informações pelo telefone 0800-7700987